Que bom que você veio...

Visitante

segunda-feira, 25 de março de 2019

Como ando muito atarefada e quase sem tempo de atualizar este blog, hoje vou repassar com os devidos créditos um artigo do blog Supera que achei muito interessante principalmente se você estiver como eu , sem tempo, muito atarefada e esquecendo tudo. 
Vamos lá :

Confira 8 dicas de organização e manutenção de ambientes que podem garantir uma memória saudável

Sair de casa e não lembrar aonde colocou as chaves. Esquecer de um compromisso importante ou uma data de aniversário. Esquecer a senha do cartão. Quem nunca teve esses lapsos de memória? Situações que são cada vez mais recorrentes na rotina de pessoas de todas as idades.
A maneira como organizamos e adaptamos o ambiente aonde estamos pode ser fundamental para a manutenção da memória. Alguns gatilhos podem ser utilizados de forma que possamos exercitar a mente e lembrarmos de detalhes fundamentais no dia a dia. Confira 8 dicas que podem facilitar a sua vida e deixar sua memória afiada:
  • Mantenha à vista lembretes sobre coisas a fazer, telefonemas a dar, contas a pagar, datas importantes, compras necessárias etc. A porta da geladeira, o criado-mudo, o espelho do banheiro ou um mural no quarto são ótimos lugares para isso. Se você manter os lembretes sempre no mesmo lugar, saberá aonde encontrá-los quando necessário; isso facilitará a sua rotina.
  • Coloque avisos para lembrar-se de trancar a porta, fechar as janelas ou apagar as luzes.
  • Crie uma organização para suas coisas. Arrume-as de acordo com o lugar de uso, categorias, funções, de maneira que a organização faça sentido para você. Por exemplo, crie um sistema para organizar contas que já foram pagas, de acordo com cada categoria: contas básicas da casa, cartões de crédito, seguro saúde, escola dos filhos etc. Crie outro sistema, se possível pasta de cores ou formatos diferentes, para as contas a pagar. Determine aonde manterá aquelas que chegam pelo correio e como irá se lembrar de pagá-las. Você pode optar por envelopes sanfonados com dias marcados, ou poderá anotar as datas de vencimento em sua agenda, ou ambos. Uma providência útil é usar o débito automático e o agendamento eletrônico, que a maioria dos bancos colocam à nossa disposição.
  • Você pode optar por deixar roupas para a lavanderia em frente à porta de saída de casa. Assim terá a obrigação de vê-las e se lembrar delas. Outra opção é colocar o celular em algum lugar inusitado até lembrar de fazer determinada ligação. Há quem prefira, por exemplo, mudar o relógio de braço ou trocar a aliança de dedo até realizar determinada tarefa.
  • Estabeleça um lugar para guardar coisas como bolsas, óculos ou chaves e certifique-se de sempre colocá-las no mesmo lugar após o uso. Assim você não precisará desperdiçar energia tentando recordar onde deixou o carregador do celular, os fones de ouvido, o cartão do banco para sacar dinheiro, sempre que necessitar deles.
  • Anexar objetos no próprio corpo é uma boa opção. Por exemplo, manter chaves presas ao cinto, óculos pendurados no pescoço por meio de alças, cordões ou correntinhas, entre outros.
  • Se estiver em ambiente pouco familiar, identifique armários e gavetas de acordo com seu conteúdo (copos, roupas, pratos, objetos de higiene etc).
  • Siga uma rotina diária ou semanal de tarefas obrigatórias. A rotina ao contrário do que muitos pensam pode diminuir as demandas da memória, uma vez que nos leva a incorporar, automaticamente, as atividades necessárias a nosso cotidiano.
8 dicas de organização para manter a memória saudável - SUPERA - Ginástica para o Cérebro
Thais Bento Lima é gerontóloga e colunista do Blog do SUPERA Ginástica para o Cérebro
www.metodosupera.com.br

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

Hibisco em pó

O hibisco é tão conhecido quando o assunto é perder peso e secar a barriga que algumas pessoas o colocam no topo da lista da eficácia. Mas, antes de utilizá-lo é preciso conhecer mais sobre as suas vantagens.
No que diz respeito ao hibisco em pó, qualquer planta que seja processada na forma de pó resguarda as mesmas propriedades da planta in natura. É importante destacar que a eficácia da planta natural, ou até mesmo seca, é maior que a versão em pó.
Isso acontece justamente pelo fato de, no processo de industrialização, a planta poder ser acrescida a outros ingredientes. Entre os principais podem ser destacados: carboidratos, corantes, além de outros, para fazer volume.

Então, não é que o hibisco em pó perde as suas propriedades, apenas as suas propriedades demoram um pouco mais para começar a demonstrar os resultados. Além do mais, a dosagem para cada tratamento também pode ser modificada.
Também é importante deixar claro que o hibisco, ou qualquer outro ingrediente natural, não opera milagres. Sendo assim, no caso do emagrecimento e eliminação da barriga, o paciente deve prestar atenção na dieta e praticar atividades físicas regulares.

Propriedades do hibisco

Para certificar que o hibisco vai contribuir mesmo para emagrecer, basta ficar de olho em todos os benefícios que ele pode oferecer para o paciente.
O chá de hibisco conta com a ação diurética, que ajuda a eliminar a retenção de líquidos, além de ser eficaz no combate ao acúmulo de gorduras, principalmente as mais difíceis de eliminar que ficam concentradas na barriga e nos quadris.
Ele contém um inibidor que bloqueia a produção de amilase, enzima que converte o amido em açúcar. A bebida atua na alta concentração de antocianina, substância que tem ação antioxidante



O hibisco queima 4 quilos em 15 dias

O chá de hibisco pode promover a queima de até quatro quilos em 15 dias, se aliado com exercícios regulares e atividades esportivas, sobretudo os que exigem mais dedicação das pessoas. Nesse sentido, recorrer ao seu nutricionista ou endocrinologista vai potencializar os efeitos do chá de hibisco.

No processo de perda de peso, o chá de hibisco evita o acúmulo de gorduras, facilita a digestão, regulariza a ação do intestino, combate a retenção de líquidos, quando aliado a uma alimentação saudável, controla o colesterol e regulariza a pressão arterial.
O chá é eficaz na manutenção da saúde da pele, ossos e cabelos, além de auxiliar o metabolismo do oxigênio e da glicose. A bebida ainda possui efeito antioxidante, ajudando no combate do envelhecimento precoce da pele e da formação de células cancerígenas.

Como preparar chá de hibisco em pó 

Ingredientes: 
  • 1 a 2 colheres de sopa de hibisco em pó
  • 500 ml de água quente.
Modo de preparo:
  1. Colocar o hibisco em pó no fundo de uma caneca grande;
  2. Despejar a água quente por cima, misturar bem e servir-se. O pó de hibisco também pode ser adicionado em outras receitas de bebidas como sucos e vitaminas. Recomenda-se fazer uso do chá de hibisco em pó durante dois meses, fazer uma pausa de duas semanas e, só então, voltar a usar o chá, por mais dois meses.

Cuidados com o hibisco

O chá de hibisco é contraindicado para mulheres que estejam grávidas ou em processo de amamentação de seus bebês, pessoas que têm pressão baixa e usam remédios para tratar o problema e indivíduos que tomam medicamentos para a hipertensão.
A bebida interage com remédios como paracetamol, antivirais, antimaláricos e anti-inflamatórios. Assim, caso use esses ou qualquer outro tipo de medicamento, pergunte ao seu médico se pode tomar o chá de hibisco durante o período do tratamento e como a bebida deve ser utilizada.
Além disso, o chá de hibisco está associado a alguns efeitos colaterais. Por exemplo, ele não deve ser consumido em excesso para que não cause desidratação, já que como vimos acima, ele promove a eliminação de líquido por parte do organismo.
A diminuição dos níveis de glicose no sangue é outra reação causada pelo chá. Com isso, ele não deve ser ingerido por diabéticos que já seguem tratamento para controlar as suas taxas de açúcar, e deve ter seu consumo interrompido duas semanas antes da realização de uma cirurgia.
Outros efeitos colaterais associados à bebida são a abertura e expansão dos vasos sanguíneos, o que favorece o desenvolvimento de doenças no coração, e o prejuízo ao foco e a concentração.

Portanto, vá com calma na ingestão deste ou demais produtos naturais, sempre é interessante consultar um médico antes de tomar qualquer atitude relacionada ao bom funcionamento do seu corpo.

Até mais

Ana


quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019

Vitaminas mais que necessarias

Independentemente da idade, precisamos  consumir uma grande variedade de vitaminas, todo mundo sabe , mas não dão muita atenção, ou então compram remédios caríssimos compostos de várias  vitaminas e outras substâncias que fico curiosa como cabe tudo naquelas cápsulas pequeninas. Claro que estou brincando, pode ser que façam efeito e melhorem seu estado físico geral, mas a ideia de hoje é entender o que são essas vitaminas, para o que fazem bem e onde podemos encontra-las em alimentos naturais e porque a deficiência delas pode provocar vários problemas de saúde. Vamos então analisar 10 vitaminas indispensáveis principalmente para as mulheres e tirarmos nossas próprias conclusões sobre um assunto nem sempre bem explicado. e não ficarmos tomando vitaminas artificiais sem conhecimento de causa. 
1. Vitamina A

Além de melhorar a pele e fortalecer os ossos, dentes e tecidos, a vitamina A é rica em antioxidantes.
Conheça outros benefícios:
  • - Faz bem às membranas mucosas
  • - Reduz os riscos de doenças crônicas
  • - Melhora a visão
  • - Retarda o processo de envelhecimento
  • - Fortalece o sistema imunológico
Algumas boas fontes de vitamina A são: a cenoura, a batata-doce, a manga, o mamão, a couve, o espinafre, a manteiga e gema do ovo.
2. Vitamina B2
Ela também melhora a imunidade do corpo, além de:
  • - Melhorar o metabolismo
  • - Aumentar a energia
  • - Aumentar o sistema imunológico
  • - Combater stress, ansiedade e fadiga
O consumo regular de vitamina B2 evita vários problemas, como: dor na garganta, úlceras na boca, lábios rachados, cabelos secos, rugas e coceira na pele.
Os alimentos que contêm vitamina B2 são: iogurte, leite, vegetais verdes, fermentos, ovos, cereais, soja, amêndoas, nozes e cogumelos.
3. Vitamina B6

Ajuda na produção de hormônios e substâncias importantes para o cérebro, reduzindo depressão, perda de memória e problemas cardíacos.
Saiba mais:
  • - Ajuda a regular o nível de açúcar no sangue
  • - Evita anemia
Pode ser encontrada: no feijão, carne, peixe, abacate, banana e nozes.
4. Vitamina B7
Esta é muito importante para o crescimento celular e a síntese de ácidos graxos.
  • - Evita queda de cabelo
  • - Cuida da pele
  • - Trata as unhas quebradiças
  • - Fortalece os ossos
  • - Ajuda a manter os níveis de colesterol estáveis
Encontre esta vitamina no peixe, batata-doce, cenoura, banana, melão, lentilhas, arroz e pimenta.
5. Vitamina B9 (ácido fólico)
Excelente para prevenir:
  • - Doenças cardíacas
  • - Pressão arterial elevada
  • - Alzheimer
  • - Depressão
  • - Câncer
Para obter esta vitamina, procure consumir: folhas verdes escuras, suco de laranja, aspargos, melões, morangos, cereais, legumes, feijão e ovos.
É muito importante que as gestantes garantam a cota recomendada de vitamina B9 no organismo.
6. Vitamina B12
Trata-se de mais uma vitamina muito importante que:
  • - Combate depressão
  • - Previne doenças cardíacas, perda de memória e anemia
  • - Mantém a saúde do sistema nervoso e a função cerebral
A falta desta vitamina causa irritabilidade, depressão e inchaço na boca e na língua.
Basta consumir : queijo, ovos, peixe, carne, leite e iogurte, por exemplo.
7. Vitamina C

Muito conhecida por estimular a imunidade em gripes e resfriados,, mas ela também tem outras funções, como:
  • - Poder de cicatrização
  • - Evitar câncer e doenças cardíacas
  • - Estimular o crescimento de tecido e a formação de células vermelhas no sangue
Os alimentos fontes de vitamina C são: acerola, brócolis, laranja, limão, uva, pimentão, batata e morango.
8. Vitamina D
É também muito importante, pois:
  • - Absorve o cálcio
  • - Fortalece os ossos
  • - Reduz o risco de esclerose múltipla, artrite e câncer
  • - Melhora a visão
  • - Combate a TPM
  • - Ajuda a normalizar a pressão arterial
A exposição de 10 a 15 minutos ao sol é o suficiente para adquirir vitamina D, além do consumo de peixe, leite e ovos.
9. Vitamina E
Com o passar da idade, o corpo sofre algumas mudanças e o consumo regular da vitamina E alivia alguns desses sintomas.
  • - Reduz o processo de envelhecimento
  • - Previne problemas cardíacos, catarata, perda de memória e câncer
Gérmen de trigo, avelãs, amêndoas, espinafre, margarina e óleo de girassol são alimentos recomendados para quem quer consumir vitamina E.
10. Vitamina K
Esta é outra vitamina que fortalece a imunidade, além de:
  • - Aumentar a energia do corpo
  • - Fortalecer os ossos
  • - Manter a coagulação do sangue normal
  • - Reduzir os riscos de doenças cardíacas
Consuma: óleo de peixe, óleo de soja, folhas verdes e grãos integrais.
Observação: Comer cinco porções de frutas e vegetais por dia, de cores variadas, dá para garantir as vitaminas essenciais.
Diante destes conhecimentos, fica mais fácil comprar os alimentos sugeridos e montar um cardápio natural cheio de vitaminas para sua família.

Pinterest

Arquivo do blog

Pesquisar este blog

Resumos Biográficos

aproveite e curta nossa página